quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

ODE A DAMA DE MARFIM




Ontem em meu âmago, ainda adormecia a sonhar com amaros amores que findaram.

Amasiado era, eu, com lembranças tortuosas, que arrancavam-me das entranhas dores,

Lanceando minh´alma desfalecida, e atando-me a grilhões espectrais e anestésicos.

Ontem, em meu âmago, eu, por lembranças tortuosas em demasia, desfaleci.



Em negros dias vivi, já quase morto, com o âmago contaminado por amaros amores.

Amasiado era, com o ínfimo desejo de seguir adiante, pois já não era eu quem seguia,

senão um espectro apenas, enfeitiçado pelos grilhões que me atavam, ínspidos grilhões.

E ao desbotar da cores dos caminhos, das flores, monocromático me fiz, em cinzas, me converti.



E ao despertar glorioso, que pôs-me a escrever após a primeira morte, daqui para doravante,

Como Fênix retornei, desperto pela dama ressurrectora, detentora do rubro véu, como a rosa escarlate,

E, em sua pele, que é como o marfim polido, refleti minha face, agora corada e coroada com um sorriso,

Vivo, agora verdadeiramente vivo, translado-me em desejos, para aquelas mãos frias e abraços quentes.



Não como antes, não como ontem, agora em meu hoje, adormeço em esplendoroso leito, na alcova dos poetas,

Ouvindo, o afrodisíaco canto de ninar, da dama de marfim que me embala nas pautas dos prazeres, em muitas claves,

Para muitos Sóis.



(Allen Cristhian - Londrina, 05 de Janeiro de 2011)

5 comentários:

  1. SUPIMPA!! ESPLÊNDIDO!

    Sua ousada eloquência me arranca consecutivos deslumbramentos.

    Estás presentes tão somente em minhas inspirações e expirações.

    Desarraigas aquilo que de mais veemente há em mim! Rs

    Beijos!!

    ResponderExcluir
  2. Oiiiiiiiiiiiii!
    Adorei o seu blog! Parabéns!!!
    Se quiser conhecer o meu, é : www.espiculaderodinha.blogspot.com
    Bjos!!!

    ResponderExcluir
  3. Allenzito que bom que o blog ta indo de vento em popa ... Sucesso meu amigo!

    ResponderExcluir
  4. Lindo Allen... e sem maiores comentários...

    ResponderExcluir
  5. Seu blog é encantador, estive a ver e ler algumas coisas, não li muito, porque espero voltar mais algumas vezes,mas deu para ver a sua dedicação e sempre a prendemos ao ler blogs como o seu. Se me der a honra de visitar e ler algumas coisas no Peregrino e servo ficarei radiante, e se desejar deixe um comentário. Abraço fraterno.António.

    ResponderExcluir